É necessário que o seu navegador tenha o suporte a javascript habilitado para navegar neste site. Viagens de um caminhante solitário
  • 00 item(s) - R$ 0,00
Seu carrinho de compras está vazio.
  • Viagens de um caminhante solitário

Viagens de um caminhante solitário

Ética e estética na obra de Samuel Rawet
Autor: Saul Kirschbaum
SKU: 146654
Páginas: 252
Avaliação geral:

Viagens de um Caminhante Solitário analisa a ética internalizada na literatura de Samuel Rawet, avaliando, por exemplo, como a filosofia de Martin Buber e a de Emmanuel Levinas amalgamam-se no texto, norteiam o destino das personagens, desenham o modo particular de se existir no âmbito de um judaísmo em crise, a partir de uma obra que resiste pela forma, conforme proposto por Theodor Adorno. Mede 14x21 cm

R$ 34,00 no Cartão
Disponibilidade: Imediata

Descrição

Viagens de um Caminhante Solitário analisa a ética internalizada na literatura de Samuel Rawet, avaliando, por exemplo, como a filosofia de Martin Buber e a de Emmanuel Levinas amalgamam-se no texto, norteiam o destino das personagens, desenham o modo particular de se existir no âmbito de um judaísmo em crise, a partir de uma obra que resiste pela forma, conforme proposto por Theodor Adorno.
Qual a função que legitima o ato de criação literária? Quem é o profeta na obra de Rawet? O que significa ser imigrante? O que é ser judeu? O que significa uma obra engajada?  Em que medida se efetiva o diálogo entre ética e literatura? Como entender as zonas de silêncio no texto de Rawet? Essas e outras questões foram trazidas à tona por Saul Kirschbaum e oferecem ao leitor novos parâmetros para o entendimento da complexa obra ficcional desse escritor que marca um lugar de estranhamento na literatura brasileira.
Newsletter