É necessário que o seu navegador tenha o suporte a javascript habilitado para navegar neste site. Sem Lugar No Mundo
  • 00 item(s) - R$ 0,00
Seu carrinho de compras está vazio.
  • Sem Lugar No Mundo

Sem Lugar No Mundo

Relato de uma Livreira judia em fuga na Segunda Guerra mundial
Autor: Françoise Frenkel
SKU: 146740
Avaliação geral:

Com a ascensão do nazismo na Alemanha na década de 1930, Françoise começa a viver o terror das perseguições. Em seu relato, narrado em primeira pessoa, a autora permite que os leitores acompanhem em detalhes os medos, as perdas, as traições e privações de seu desesperado périplo. E que conheça também a solidariedade e resistência dos franceses que não se renderam aos nazistas.

R$ 54,00 no Cartão
Disponibilidade: Imediata

Quem comprou esse produto também comprou:

Descrição

Com a ascensão do nazismo na Alemanha na década de 1930, Françoise começa a viver o terror das perseguições. Em seu relato, narrado em primeira pessoa, a autora permite que os leitores acompanhe em detalhes os medos, as perdas, as traições e privações de seu desesperado périplo. E que conheça também a solidariedade e resistência dos franceses que não se renderam aos nazistas. E que conheça também a solidariedade e resistência dos franceses que não se renderam aos nazistas.

 Publicado em pequena edição na Suíça, em 1945, seu livro ficou esquecido por décadas, sendo redescoberto nos dias de hoje. Um raro testemunho, corajoso e emocionante, da luta pela sobrevivência no dramático período da Segunda Guerra Mundial. Com prefácio do Prêmio Nobel Patrick Modiano, a edição conta ainda com um dossiê que busca refazer a biografia da nossa valente livreira e heroína Françoise Frenkel.

 

Sobre o autor

Não se conhece muito da biografia de Françoise Frenkel (Frymetta Raichenstein-Frenkel). De origem Polonesa, faz seus estudos na frança e abre nos anos 1912 a primeira livraria francesa na capital Alemã: Maison du Livre Français (casa do livro Francês). Com a ascensão do Nazismo dá início ao seu exaustivo périplo de fuga até conseguir atravessar a fronteira com a Suiça. Publica seu livro em 1942 e , ao que tudo indica, volta para a França com o fim da Segunda Guerra Mundial. Seu marido não teve a mesma sorte e morre em um campo de extermínio. "Sem lugar no mundo" foi o único livro que escreveu.

Avaliação dos Clientes

Seja o primeiro a avaliar este produto.
Newsletter